A Andrea

Olá, sejam muito bem-vindos!

Desde que eu me entendo por gente, eu sempre fui fascinada pela mente humana. Só saber o que as pessoas faziam, nunca me satisfez. Eu precisava entender o PORQUÊ. Eu lembro que eu ficava “desesperada” tentando entender o porque as pessoas tinham tais atitudes, e vocês podem imaginar que as respostas que os adultos me davam, nunca satisfaziam minha curiosidade totalmente, não é mesmo? Rsrs

O tempo passou, e por ouvir muito que eu era intensa demais, que eu queria saber demais (apesar de ser libriana com ascendente em peixes, tenho alguns planetas em escorpião bem na casa 8, risos né!), que as coisas não tinham resposta, ou que eu não podia saber as respostas, acabei por muitas vezes achando que eu era o problema e a estranha, que o fato de eu ter essa sede por conhecimento, entender direitinho as coisas e o porquê as pessoas agem como agem, era um problema. 

E como tudo que é um problema, a gente tenta não ter ou não ser mais esse problema, ou no mínimo “esconder” esse problema, não é mesmo. E foi assim que por muitos anos acabei aplacando toda essa minha curiosidade inata e fascínio pela mente humana e pelos porquês. Hoje eu utilizo todo esse fascínio e essa necessidade de saber os porquês, como uma super habilidade, para conseguir chegar nas raizes e origens dos problemas dos meus clientes. 

Fui fazer outras coisas, estudar Design de Interiores, morar em outros países, viver outras vidas, porém, nada disso me satisfez completamente, e acabei entrando em depressão. Pois é, a desconexão com a nossa alma e com a nossa essência tem disso, nos deixa doentes, sem brilho, sem vontade de viver. E se insistimos no caminho “errado”, isto é, um caminho que não está verdadeiramente conectado com a nossa alma, nossa essência e nossa verdade, a vida fica muito difícil, e quanto mais insistimos no erro, pior as coisas ficam. 

Porém, um bom filho, a casa sempre deve retornar, e há 5 anos eu encontrei meu caminho de volta. De volta a minha essência, minha alma, meu brilho, meu encanto, minha felicidade, minha paz. E hoje eu ajudo mulheres a fazerem esse caminho de volta, e gostaria de ajudar todas vocês que estão me lendo também. 

Esse caminho de estudar a mente humana, das terapias holísticas, entrou na minha vida muito cedo. Com 15 anos fiz meu primeiro curso, de Reiki, e então não parei mais, fiz cursos de cromoterapia, Magnified Healing, Cristais, a há alguns anos descobri o Access Consciousness e as Barras de Access, técnicas que literalmente viraram minha vida de cabeça para baixo, para colocá-la nos eixos novamente. E esse eixo é o de trabalhar com a coisa que eu mais amo e mais estudo, as terapias holísticas, especialmente aplicadas para as questões do feminino. 

Depois do Access, foi a vez do Thetahealing, que veio para complementar de forma magnífica o trabalho que já estava fazendo com o Access. 

Durante todo esse tempo fiz alguns outros cursos que também acabo utilizando nos meus atendimentos, como Energia Atlante, Vivências Essênias, vários aprofundamentos nos cursos do Access Consciousness, do Thetahealing, e cursos específicos sobre o Feminino e psicologia Junguiana. 

Portanto, com todo esse conhecimento, e principalmente com todas as vivências experienciando essas técnicas e os resultados em minha própria vida, e com todas essas experiências, tudo junto e misturado, ao longo dos anos, fui criando cada vez mais meu próprio método de atendimento. Hoje em dia eu falo menos das técnicas em si, e mais sobre o MEU trabalho, como ele é, qual o efeito dele sobre as pessoas, me sinto mais livre assim, podendo criar além. 

Agora vamos falar um pouco sobre a minha história com a energia feminina e relacionamentos. Eu fui criada bem no meio do mato, da natureza, rodeada de animais, montando à cavalo, brincando de polícia e ladrão com arminhas, e com muitos primos homens, e sempre tive essa tendência a ser forte, independente, brava, mandona, de não aceitar nem levar desaforos pra casa. Levei essa atitude para a adolescência e para a vida adulta também. Hoje percebo que estava bem desconectada da minha Energia Feminina, e estava muitas vezes vibrando na polaridade toxica da energia masculina (para saber mais sobre isso, vá na sessão “Energia Feminina”). Toda essa desconexão da minha energia feminina, na verdade era uma desconexão da minha própria alma, da minha essência, da minha verdade, e, não preciso nem dizer, me trouxe enormes dificuldades nos meus relacionamentos amorosos. 

Como para mim sentimentos não eram algo bom de se ter, eu valorizava muito pessoas fortes, que conseguiam não demonstrar sofrimento, eu estava sempre muito forte ali, e não tolerava homens “bonzinhos demais”, acabava só me interessando por homens “fortes”, no sentido de não demonstrarem seus sentimentos e fraquezas também. Porém, esse tipo de homem tem um problema, eles também não se sentem à vontade para demonstrar amor e sentimentos bons. 

Todo meu caminho de volta para casa, para quem eu sou realmente, para a minha essência, passou, e passa, pela cura do meu feminino, e do meu masculino, feridos, por isso considero todo esse trabalho que ofereço para vocês essencial para todas as mulheres que também sentem que estão desconectadas do seu feminino, ou na polaridade errada. Com certeza ele nos leva a um relacionamento muito melhor e mais harmonioso com nós mesmas, e consequentemente, com os outros também, nos ajudando a nos relacionarmos com mais amorosidade, tranquilidade, segurança, assertividade, mas sem agressividade, sem drama, sem carência, sem insegurança. 

E foi assim o meu caminho individual, que me trouxe até aqui, e que hoje auxilia outras mulheres em seus caminhos também. Se esse texto te tocou, se você sente afinidade com a minha energia e acredita que eu possa contribuir com o seu caminho de se RECONECTAR COM A SUA ENERGIA FEMININA, dê uma olhada nos serviços que ofereço na sessão “Como posso te ajudar” e venha experimentar.

Logo_Andrea_2020_Final.png

Contato

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle